SP anuncia vacinação contra Covid para pessoas de 45 a 54 anos sem comorbidades em agosto

Trabalhadores de aeroportos serão vacinados a partir desta sexta-feira (28). Trabalhadores de portos devem receber as doses a partir do dia 1º de junho.

Por G1 SP — São Paulo

 

O governo de São Paulo anunciou nesta quarta-feira (26) a vacinação contra a Covid-19 de pessoas com idade de 45 a 54 anos e sem comorbidades para agosto em todo o estado (veja o calendário abaixo).

Após a identificação de um caso da variante indiana no coronavírus em passageiro que passou por São Paulo, a gestão João Doria (PSDB) também afirmou que funcionários de aeroportos serão vacinados a partir desta sexta-feira (28). Os funcionários de portos serão vacinados a partir do dia 1º de junho.

 

São Paulo já havia anunciado a expansão da vacinação contra a Covid-19 para profissionais da educação de 18 a 46 anos e para pessoas sem comorbidades com idades entre 55 e 59 anos para julho.

Já a vacinação de pessoas com comorbidades deve ser estendida para a faixa etária de 40 a 44 anos também nesta sexta-feira (28). (veja no final deste texto a lista de comorbidades autorizadas).

Novas datas para a vacinação contra a Covid-19:

  • 28 de maio:Pessoas com comorbidades ou com deficiência permanente (beneficiários do BPC) de 40 a 44 anos
  • 28 de maio: Aeroviários de Guarulhos, Congonhas e Viracopos
  • 1º de junho: Portuários
  • Entre 1º de julho e 21 de julho:Pessoas sem comorbidades de 55 a 59 anos
  • De 21 a 31 de julho: Profissionais da educação de 18 a 46 anos
  • De 2 a 16 de agosto:Pessoas de 50 a 54 anos sem comorbidades
  • De 17 a 31 de agosto: Pessoas de 45 a 49 anos sem comorbidades

Calendário de vacinação contra a Covid-19 no estado de São Paulo. — Foto: Divulgação/Governo de SP

O governo do estado de São Paulo vai iniciar a imunização de pessoas sem doenças preexistentes e idades de 55 a 59 anos entre 1º de julho e 21 de julho. Segundo a titular da Coordenadoria de Controle de Doenças do estado de São Paulo, Regiane de Paula, a data exata de início não foi definida pelo governo estadual porque depende da disponibilidade de vacinas do Ministério da Saúde.

A imunização dos profissionais da educação será expandida para todas as faixas etárias. De 21 a 31 de julho, a vacinação contemplará os profissionais da área com idades de 18 a 46 anos. Aqueles com mais de 47 anos e têm contato direto com alunos já estão recebendo a vacina desde 9 de abril.

 

Comorbidades incluídas na vacinação

O governo estadual afirma que seguirá os critérios de comorbidade definidos pelo Ministério da Saúde, para pessoas com as seguintes doenças:

  • Insuficiência cardíaca
  • Cor-pulmonale e hipertensão pulmonar
  • Cardiopatia hipertensiva
  • Síndrome coronariana
  • Valvopatias
  • Miocardiopatias e pericardopatias
  • Doença da Aorta, dos Grandes Vasos e Fístulas arteriovenosas
  • Arritmias cardíacas
  • Cardiopatias congênitas no adulto
  • Próteses valvares e dispositivos cardíaco implantados
  • Diabetes mellitus
  • Pneumopatias crônicas graves
  • Hipertensão arterial resistente
  • Hipertensão artéria estágio 3
  • Hipertensão artéria estágio 1 e 2 com lesão e órgão alvo
  • Doença cerebrovascular
  • Doença renal crônica
  • Imunossuprimidos (inclui câncer)
  • Anemia falciforme
  • Obesidade mórbida
  • Cirrose hepática
  • Portadores do vírus HIV

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat
Posso lhe ajudar?