Governo Federal antecipa calendário do auxílio emergencial

Devido as reclamações sobre dificuldades de operação do sistema Caixa Tem, o governo federal decidiu antecipar o calendário de saques do novo auxílio emergencial.
A medida foi anunciada ontem (15), pelo presidente Jair Bolsonaro, através de uma live.
Bolsonaro se mostrou incomodado com o intervalo existente entre os depósitos digitais e os saques do benefício.
A primeira parcela do novo auxílio emergencial começou a ser paga no último dia 6, mas segundo o calendário original, poderia ser sacada somente a partir de 4 de maio e até 4 de junho.
O intervalo, segundo a Caixa, tinha objetivo de evitar aglomerações nas agências da Caixa Econômica Federal, mas acabou sendo revisto depois das queixas do Presidente da República .
 “Antecipamos ao redor de 15 dias porque percebemos que conseguimos realizar o pagamento com segurança, seja do ponto de vista do Caixa Tem, quanto do ponto de vista de minimização de filas”, alegou o presidente da Caixa, Pedro Guimarães.
Assim, os saques serão antecipados e poderão ser efetuados no período entre 30 de abril e 17 de maio.
Os saques continuam escalonados de acordo com o mês de nascimento do trabalhador.
“A mudança mais significativa é para os aniversariantes dos últimos dois meses do ano. Pelo calendário que vigorava até agora, os nascidos em novembro poderiam realizar os saques em 1º de junho. Agora, eles poderão retirar o dinheiro em 14 de maio”, destacou o Ministério da Cidadania.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *