Baile funk, aglomeração, uso de drogas, consumo de bebidas alcoólicas e perturbação do sossego na zona leste de São Paulo

Neste último sábado (10), centenas de jovens participaram de um baile funk, na Cidade Tiradentes, na Zona Leste de São Paulo.
Na fase emergencial, fase do Plano São Paulo na qual todo estado está incluso até este domingo, nenhuma festa, balada ou reunião  de pessoas, está autorizada a acontecer.
Imagens gravadas no local por um participante do pancadão, mostram centenas de jovens se aglomerando e muita sem utilizar máscaras de proteção. O baile aconteceu na avenida Naylor de Oliveira, região de Cidade Tiradentes.
Além de não usar máscara de proteção, os jovens não mantinham nenhum distanciamento social, desrespeitando todas as medidas sanitárias essenciais ao combate à pandemia.
Os jovens festejavam ao som alto proveniente de alguns veículos, além de consumirem bebidas alcoólicas e drogas sem nenhum constrangimento, tudo com absoluta bagunça e desrespeito as leis e as pessoas, perturbando toda a vizinhança.
A Polícia Militar informou que foi acionada  para verificar a perturbação do sossego, por volta das 6h50 no endereço.
As festas clandestinas se tornam grandes vetores para a disseminação da Covid-19, apenas na última a sexta-feira (9), a capital paulista registrou 224 mortes por covid-19, totalizando 23.913 mortes pela doença desde o início da pandemia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *