Warcraft – O Primeiro Encontro de Dois Mundos | Críticas de Cinema – Efrem Pedroza

Nota: 3,0

        Quando anunciaram Warcraft – O Primeiro Encontro de Dois Mundos, longa inspirado na história dos jogos online da Blizzard, dirigido por Duncan Jones (famoso pelos sci-fi’s ‘Contra o Tempo’ e ‘Lunar’), ao contrário do que alguns disseram “os jogos nunca foram pensadas para ter a profundidade de um Senhor dos Anéis ou um Game of Thrones” talvez não seja tudo aquilo que esperamos para que se torne um épico, mas é uma boa aventura envolvendo o mundo fantástico.

        A história consiste no término da harmonia e sossego em Azeroth, que acaba com a chegada dos guerreiros Orc. A abertura de um portal permite que os Orc cheguem ao local a fim de liquidar os inimigos que ali habitam. Cada clã tem o seu herói representante e ambos os lados travaram uma batalha que colocará em risco as duas nações.

          O filme merece singelos elogios. A aventura audaciosa e vívida de Duncan Jones é um trabalho que merece respeito e que tem de ser analisada com cuidado, afinal é apenas o início.


Confiram a crítica completa no blog: efrempedroza.blogspot.com.br

Facebook: Efrem Pedroza – Crítico de Cinema

O critério de notas é estabelecido da seguinte forma:

0,0 = péssimo

1,0 = ruim

2,0 = regular

3,0 = bom

4,0 = ótimo

5,0 = excelente

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *