SAIBA COMO ACOMPANHAR O ECLIPSE SOLAR ‘ANEL DE FOGO’ NESTA QUINTA-FEIRA (10)

O fenômeno ocorreu pela última vez no ano de 2019 e pôde ser visto do continente asiático

GIOVANNA GOMES, SOB SUPERVISÃO DE THIAGO LINCOLINS 

3

Na próxima quinta-feira, 10, ocorrerá um evento muito raro no céu: um eclipse anular, também conhecido como ‘anel de fogo’. Aqui é importante relembrar que há três tipos de eclipses solares: o total, o parcial e o anular.

O primeiro ocorre quando a lua cobre totalmente a luz solar, de modo a projetar sua sombra sobre o planeta Terra, enquanto o segundo se dá quando a Lua não fica perfeitamente alinhada ao sol. Já o terceiro, que é o caso que ocorrerá nesta semana, é ainda mais curioso.

O fenômeno ocorre quando a Lua fica perfeitamente alinhada entre o Sol e a Terra. Como nosso satélite natural está um pouco mais distante da órbita do planeta, ele não cobre o Sol completamente, formando uma figura fantástica com os raios solares pelas bordas.

De acordo com o UOL, a última vez em que este espetáculo ocorreu foi no ano de 2019, mas pôde ser avistado apenas do continente asiático. Registros incríveis foram realizados no Sri Lanka, por exemplo, na ocasião.

De onde poderá ser visto

O eclipse da próxima quinta-feira poderá ser visto em países de outros continentes, mas apenas os situados no hemisfério norte, o que significa que, mais uma vez, os brasileiros não poderão observá-lo no céu. Somente quem se encontra no norte do Canadá, Rússia e Groelândia poderá contemplá-lo por completo.

Há ainda algumas regiões como parte dos Estados Unidos, da Europa e da Ásia de onde as pessoas poderão ver o anel de fogo parcialmente.

E o Brasil, AH?

Os brasileiros que quiserem acompanhar o fenômeno poderão vê-lo pelo YouTube, já que alguns canais realizarão transmissão ao vivo do evento, que será o único de 2021.

Conforme os cientistas, o fenômeno terá início às 5h12 no horário de Brasília e durará um curto período de tempo: cerca de 3 minutos e 51 segundos.

O próximo eclipse solar total deverá ocorrer no final deste ano, no dia 4 de dezembro. Já o próximo eclipse anular que poderá ser visto do Brasil, ocorrerá somente em 2023.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat
Posso lhe ajudar?