Nova variante do coronavírus é identificada no Brasil

Uma nova variante do coronavírus foi detectada por cientistas no Brasil. A nova variante potencialmente perigosa foi identificada em Belo Horizonte MG, e é formada por uma combinação de 18 mutações no Sars-CoV-2.
Entre as mutações estão algumas encontradas  nas variantes brasileiras P1 (originada em Manaus) e P2 (Rio de Janeiro), e também com a sul-africana B.1.1.351 e a britânica B.1.1.7., todas com maior capacidade de transmissão.
Essas variantes podem agravar ainda mais o quadro da Covid-19 no Brasil. Já que as novas variantes de Sars-CoV-2 se replicam muito mais depressa do que os vírus que causaram a primeira onda da pandemia, em 2020. As variantes P1, P2 e B.1.1.7 têm as mutações E484K e N501Y. Elas não só facilitam o contágio como podem ajudar o coronavírus a escapar do sistema imunológico.
Segundo os pesquisadores essa nova variante pode ter a mesma capacidade, pois tem  arsenal genético para isso.
Os cientistas alertam ainda que quanto mais surgem variantes, maior o risco de transmissão e também de que o vírus consiga escapar das vacinas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *