Guti anuncia “colapso do sistema de saúde da cidade” com 100% de ocupação hospitalar atingida

Durante uma live nas suas redes sociais, neste domingo (14), o Prefeito de Guarulhos, Guti, declarou que o sistema de saúde de Guarulhos colapsou, com a ocupação dos leitos hospitalares atingindo 100% de sua capacidade. “Hoje é um dia muito difícil para todos nós. Peço a compreensão da população neste momento. Estamos em uma guerra há um ano. E este é o pior momento dessa batalha. Precisamos nos unir e respeitar o distanciamento social”, declarou em tom de preocupação, o prefeito.
De acordo com Guti, o fato de outras cidades do Alto Tietê, a qual está inserida Guarulhos, já terem atingido 100% de ocupação dos leitos hospitalares, aumentou bastante a demanda de pacientes da Covid-19, nos hospitais da cidade. Acelerando o esgotamento da capacidade de ocupação dos leitos nos hospitais de Guarulhos. “Mogi das Cruzes colapsou e está há duas semanas com lotação máxima. O sistema é o SUS, os pacientes acabam procurando outras cidades, como Guarulhos”, acrescentou Guti.
Guti fez um apelo para que as festas clandestinas cessem. “A GCM tem recebido diversas denúncias de aglomeração. Isso precisa acabar. Não estou sendo alarmista, mas sim realista! Os próximos dias serão muito difíceis”, alertou Guti.
O prefeito lembrou ainda, que Guarulhos aumentou a oferta de leitos, mesmo sem  ter atualmente um  Hospital de Campanha. “No início da pandemia, há um ano, tínhamos 73 leitos de UTI. Hoje são 177. Mesmo assim colapsamos. A responsabilidade é de todos”, afirmou o chefe do executivo municipal.
Com relação a campanha de vacinação na cidade, Guti lamentou e reclamou da falta de doses destinadas para Guarulhos. “É a solução definitiva, mas ainda não temos vacina para todos. Até agora vacinamos, com as duas doses, apenas 2% dos guarulhenses”, concluiu Guti.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *