Globo não transmitirá a F1 em 2021

A Globo não transmitirá a temporada da F1 em 2021. Sem acordo com a Liberty Media, detentora dos direitos da principal categoria do automobilismo no mundo, a emissora decidiu encerrar as negociações e desistiu de transmitir a Fórmula 1. É um fato marcante e sinaliza para novos tempos em termos de veiculação e monopólio, ou a quebra dele, no que diz respeito à transmissões de eventos esportivos, já que a emissora carioca transmitiu a categoria mais importante do automobilismo mundial nos últimos 40 anos.
A desistência da Globo foi confirmada pela emissora através de um comunicado. “A Globo manteve negociações constantes com a FOM/Liberty Media sobre a renovação dos direitos da Fórmula 1, sempre considerando a nova realidade mundial dos direitos esportivos. Infelizmente não houve acordo. A Globo continuará a fazer a cobertura da categoria em suas plataformas para manter o fã do esporte informado sobre tudo o que acontece no mundo do automobilismo”.
Os fãs da categoria que se tornou xodó de muitos brasileiros, formando grandes pilotos, campeões mundiais e ídolos nacionais, como Emerson Fittipaldi, Nelson Piquet e Ayrton Senna, ainda poderão ter acesso as corridas em TV aberta. Sem fazer alarde a TV Bandeirantes, ou a Band se movimentou nos bastidores nos últimos dias e negocia com a Liberty Media um acordo para inserir em sua grade de programação a transmissão da F1 em 2021.
Com o fim do contrato de transmissão com a Globo, a Liberty também poderá lançar a sua plataforma de streaming no Brasil, a F1 TV Pro. O serviço promete cobertura detalhada mediante pagamento de uma assinatura mensal, no esquema Pay Per View. A Liberty não abria mão dessa plataforma para conversar com uma televisão no Brasil e com a Globo, nos moldes do antigo contrato, esse lançamento não seria possível.
Se a emissora paulista conseguir fechar o acordo, poderá ser o retorno da Band para a categoria após 41 anos. Em 1980, a emissora foi licenciada pela Globo para mostrar o campeonato mundial de pilotos e mostrou com exclusividade a primeira vitória de Nelson Piquet, que em 1981, seria campeão da categoria. Quem narrou a categoria naquele ano pela Band foi Galvão Bueno, que pelo seu excelente desempenho e empatia com a categoria e o público que acompanhava as corridas, foi então contratado pela Globo.
Questionada, a Band comentou o assunto admitindo as negociações, mas disse que ainda não fechou nada: “A Band afirma que, a exemplo de outras emissoras, também está mantendo contato com a Fórmula 1, mas não há nenhum contrato assinado por enquanto. As negociações estão acontecendo. Caso haja um acordo, a emissora emitirá um comunicado oficial”, disse a emissora.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *