Festas clandestinas em São Paulo e no Brasil são registradas durante carnaval

Mesmo com a proibição das festividades do Carnaval por conta da pandemia do coronavírus, festas clandestinas são organizadas por todo o Brasil e São Paulo não ficou fora.
Na capital paulista, a Vigilância Sanitária estadual fechou 11 locais por aglomeração entre os dias 12 e 13. Foram autuados outros 22 estabelecimentos.
Neste sábado (13), uma quadra de escola de samba, na zona norte da cidade parecia fazer um evento carnavalesco. No local, no Jardim das Laranjeiras, cerca de 25 pessoas formavam uma fila , onde alguns não usavam máscara e outros combinavam o acessório obrigatório com adereços típicos de carnaval.
A divulgação do Buteco Universitário foi feita pelas redes sociais. “Aqui é tranquilo. Tem parte arejada, todo mundo fica de máscara e não pode levantar da mesa”, afirmou a estudante Vitória Alves Freitas, de 20 anos. “Venho desde dezembro e, se ficar com 80 pessoas lá dentro, é muito”, disse o borracheiro Felipe Calçolari, de 21.
De acordo com a Secretaria de Estado da Saúde, o local está entre os pontos que descumpriram o Plano São Paulo e foram fechados. Ainda segundo a pasta, vídeos em poder da secretaria mostram pessoas aglomeradas e sem máscara no local. De acordo com o Plano São Paulo, a capital está na fase amarela, que permite eventos com capacidade limitada a 40% da capacidade total  de cada estabelecimento.
Na zona leste de São Paulo,  no bairro do Tatuapé, a casa noturna “Pacco Club”, divulga a festa a “Segunda do Patrão” para hoje, 15 de fevereiro. Segundo a divulgação, o evento começa às 23h e será animado pelo DJ Samuk, DJ Cah e DJ Diego DC.
Segundo informações, um dos funcionários da casa revelou que a mesma deve receber entre 300 a 400 pessoas. “Com nome na lista até 01h, mulher é VIP e homem paga R$ 30 seco ou R$ 60 com consumação. O camarote custa R$ 1.000, que podem ser convertidos em consumação”, disse o funcionário da casa.
Sobre a possibilidade da polícia interromper a festa, o funcionário afirmou que “não tem, já tá tudo no esquema. Baile até às 5h garantido”, concluiu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *