Alckmin inaugura 4 estações da Linha 15-Prata do Metrô

Alckmin inaugura 4 estações da Linha 15-Prata do Metrô

Trecho de 5,5km em sistema monotrilho eleva para 7,8 km a extensão da linha que deverá atender 400 mil pessoas por dia quando estiver concluída

O Governador Geraldo Alckmin inaugura nesta sexta-feira (06), um novo trecho da Linha 15 Prata do Metrô, em sistema de monotrilho. Com 5,5 km de extensão, ele inclui quatro novas estações: São Lucas, Camilo Haddad, Vila Tolstói e Vila União. Agora a Linha 15 passará a ter 7,8km de extensão, ligando a Vila Prudente (integração com a Linha 2 Verde) à Vila União. Já a rede de metrô de São Paulo terá 89,7km em 79 estações.

As quatro estações estarão abertas de segunda a sexta-feira, das 10h às 15h, no formato de operação assistida, sem cobrança de tarifa. O usuário poderá embarcar gratuitamente nessas novas estações e seguir até Oratório, onde será orientado a desembarcar e acessar a área paga, caso queira seguir viagem até a Vila Prudente.

Esse modelo de operação segue o padrão internacional para a abertura de novas estações de metrô e deve ser ampliada gradativamente até chegar ao funcionamento pleno, como em toda rede. Ela consiste na apresentação da estação aos usuários, garantindo a infraestrutura necessária para o funcionamento dos terminais.

alckmin 02 Foto Débora Sá alckmin 03 Foto Débora Sá Dória Foto Débora Sá Presidente do Metro Foto Débora Sá

Fotos: Débora Sá.

2 comentários em “Alckmin inaugura 4 estações da Linha 15-Prata do Metrô

  • 9 de abril de 2018 a 22:19
    Permalink

    Alguns perrengues neste projeto: o site Infomoney informa que o serviço do trem Airport-Express saindo da Estação da Luz terá 4 horários diários fixos: no sentido Aeroporto-Centro (8h-10h-12h-22h) e sentido Centro-Aeroporto (9h-11h-13h-21h). Se for verdade, não vai ajudar muito pois são poucos horários. Fora a dificuldade de se chegar até a Estação Luz usando o metrô, com malas e em horários de pico. o site da CPTM comenta sobre o prometido “People Mover” que a concessionária GRU Airport deveria ter construído para levar os passageiros da estação de trem até os terminais. Semelhante a um monotrilho, o “People Mover contaria com estações elevadas e um traçado que passaria por cima do Terminal 2 e terminaria em frente ao Terminal 3. Nada mal, hein? Maso projeto não saiu do papel (alegam falta de recursosah, tá! rs). Por isso os usuários serão obrigados a andar por uma passarela e tomar um ônibus gratuito para cada um dos terminais do aeroporto. Tudo isso com malas. Ninguém merece!

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *